6 de jun de 2010

Nerds - Desculpa se te chamo de amor

Esse livro é do mesmo autor de Três Metros Acima Do Céu. E talvez pelo livro ser do mesmo escritor de um dos meus livros preferidos eu esperasse um pouco mais dele.
O livro se passa em Roma e fala sobre a Niki uma estudante de 17 anos, quase 18 que um dia estava indo para a escola e é atropelada pelo Alex. Alex é um publicitário de quase 37 anos que foi deixado pela quase noiva dele. Depois do acidente, os dois começam a sair, eles se apaixonam, e têm alguns problemas por causa da idade.
DstCdA é narrado em 3° pessoa, mas as vezes passa a ser narrado em 1° pessoa. Os personagens também mudam de capitulo para capitulo, na maioria das vezes foca no Alex e na Niki, mas as vezes o capitulo se passa com algum amigo deles, ou com personagens que só no final do livro tem alguma relação com a historia.
Durante o livro tem varias frase dignas de comunidades no orkut "uma que eu gostei muito é: No amor, a dor é proporcional á beleza da historia que você viveu" mas também tem algumas frases sem noção e desnecessárias, pelo menos pra mim que prefiro quando o autor vai direto ao ponto.
O começo do livro é como a maioria dos começos são. O meio é bem fofinho e algumas vezes ate da para rir. Tem uma ou duas partes no livro que ate da para chorar, mas como eu já tinha visto o filme antes de ler o livro, eu acabei não chorando. O final.... Eu fiquei um pouco desapontada, eu realmente gostei do final dos personagens secundários e terciários, porem o final dos personagens principais foi pouco dramático. Na situação que a Niki se encontrava só depois de implorar muito eu faria o que ela vez, e é melhor eu parar de falar se não eu conto o final do livro :P

Nenhum comentário:

Postar um comentário