15 de ago de 2011

Nerds - A Caminho do Verão

Fazia tempo que eu não postava aqui, estou odiando isso… Mal ter tempo pra ler e ainda não dar muita sorte com os livros que eu compro. Mas de qualquer jeito hoje eu vou falar do novo lançamento da Editora ID; A Caminho do Verão.

Auden resolve passar as férias de verão em Colby, uma minúscula cidade do litoral, com o pai, sua nova esposa e Thisbe, a filha do casal e sua mais nova irmãzinha. Lá, ela revê seus conceitos em relação à madrasta, encara um emprego de férias em uma boutique totalmente demais e conhece Eli, um garoto misterioso com o qual embarca em uma busca: experimentar uma adolescência sem preocupações que lhe foi negada enquanto ele procura se recuperar de um acontecimento trágico. Junte dois solitários, uma bicicleta, um estoque infindável de madrugadas com insônia, tortas e café e… tudo pode acontecer.

A capa desse livro me lembra Ninguém Como Você, acho que é por isso que eu quero tanto ler esse livro, ele me parece ser um daqueles romances trágicos tipo Soul Love. E esse vai ser mais um livro para a minha wish list.

22 de jul de 2011

Nerds - Cidade da Penumbra

Terceiro livro da francesa Lolita Pille, a cada livro que passa eu juro que eu a amo mais e mais. Apesar de o meu livro preferido dela ainda ser Bubble Gum, CdP também é maravilhoso. CdP é sobre um a sociedade utópica, mais ou menos como Matrix, Blade Runner ou Adimiravel Mundo Novo. Vamos à resenha.

Clair-Monde é uma cidade onde a beleza é possível e a felicidade plena não é uma utopia, onde a juventude eterna é quase possível, todos têm direito a cirurgias plásticas e a cocaína é vendida em farmácias. Nessa cidade vive Sid, um policial cabeça dura que se recusa a viver da maneira que a sociedade de Clair-Monde dita que se deve viver.

Sid trabalha na Preventiva-Suicídios da cidade, durante um apagão na cidade inteira (a luz do Sol não chega mais à cidade, a cidade funciona a base de eletricidade 24horas por dia) um obeso se suicida e Sid não consegue salva-lo. É a partir dai que Sid começa a investigar a morte suspeita desse obeso e alguns dos mistérios dessa cidade e percebe que afinal esse cidade utópica não é tão utópica assim.

O começo do livro é bem confuso. É uma sociedade bem diferente da que nós conhecemos, com coisas novas e historias novas, por isso demora um pouco para entender algumas coisa. Talvez essa seja a melhor parte do livro: o mistério em relação às coisas. O suspense e os mistérios são o ponto alto do livro, se você é do tipo romances policiais, você vai adorar esse livro.

13 de jul de 2011

Nerds - Sou Louco Por Você

E finalmente a tão aguardada continuação de Três Metros Acima do Céu foi lançada. Eu li TMAdC ano passado e quase morri quando soube que o meu novo livro preferido tinha uma continuação, o meu desespero por essa continuação foi tamanha que eu pensei seriamente em importar de Portugal o livro (ainda bem que eu me segurei!).

Vamos à historia… Depois do seu termino de namoro com a Babi, Step vai passar dois anos em NY para estudar desing e fotografia mas principalmente para fugir de Babi. O livro começa com o voo de Step chegando a Roma e alguém o observando sair do aeroporto (já já eu explico o porque que não da para saber quem é). Step é frequentemente atormentado pelo fantasma de Babi é só começa a esquecer dela quando ele conhece Gin, uma menina alegre e viva de 19 anos que tenta roubar vinte euros de Step. Step e Gin começam a sair juntos, se divertem, brigam, se beijão e têm momentos fofos. Mas e a Babi? Mesmo estando com Gin, Step ainda pensa nela e quem conhece a historia do primeiro livro se pergunta, com frequência, onde ela esta. Porem a maior pergunta do livro é; com quem Step vai ficar? ou será que ele vai continuar sozinho?…

O livro e contado tanto em primeira quanto em terceira pessoa (por isso que não começo não da para saber quem esta no aeroporto vendo o Step) e as vezes o autor muda da terceira pra primeira pessoa em um mesmo capitulo ou então do Step narrando passa a ser a Gin narrando e ai volta ao Step (as vezes fica meio confuso, mas nada que não de para superar). Achei o livro mais leve, mais divertido do que TMAdC, menos intenso.

Assim como TMAdC eu ainda não consegui decidir se gostei ou não de Sou Louco Por Você. É engraçado como isso acontece com alguns livros, ter que esperar um tempo para poder decidir se gostou ou não dele.

Mas de qualquer jeito eu acho que eu gostei (rsrsrs). Gostei de Gin, gostei do Step junto com a Gin, achei algumas partes bem fofinhas (apesar de não chegarem aos pés de “io e te… tre metri sopra il cielo”). Eu odiei a pessoa que a Babi se tornou e o fato de o Step não a ter superado antes. Pensando bem, eu gostei sim do livro.

Ps: adorei a capa, é igual à capa portuguesa.

3 de jul de 2011

Nerds - Alfas 2 e Personal Demons 2

Eba já estou de ferias!!! Se tudo der certo eu vou fazer dois posts por semana, SE TUDO DER CERTO. Bom, mas aqui vão algumas resenhas que voces podem esperar do blog; Sou Louco Por Voce, Cidade Da Penumbra, Entrevista com Vampiro, Liberte Meu Coração, Circo Dos Condenados, O Homem que matou Getulio Vargas.

Apesar de eu ja estar de ferias ainda não li nenhum livro novo (Estou relendo os meus 3 Sociedade Secreta) por isso aqui vai a sinopse dos dois mais novos lançamentos da Editora ID.

Alfas - Dançarinas e Impostoras: Dando continuidade às peripécias de Alfas: as melhores entre as melhores, as três garotas-prodígio – Charlie, Skye e Allie – se deparam com novos problemas que ameaçam seus lugares na Academia Alfa. Charlie passa grandes apuros para provar a Shira seu mérito como uma Alfa high-tech e tenta abrir mão de sua paixão por Darwin ao aproximá-lo de Allie; Skye tem dificuldades para que Mimi, sua professora de dança, reconheça seu talento, além de estar dividida entre dois dos filhos de Shira; Allie, por sua vez, é desmascarada por tentar se passar por uma famosa cantora folk e precisa correr contra o tempo.

Preço Sugerido: R$32,90

Numero de Paginas: 256

Personal Demons – Pecado Original: A vida de Frannie aparentemente voltou aos eixos. Faltando poucos dias para o início das aulas na Universidade, ela divide seu tempo entre o cara pelo qual está apaixonada e o emprego de meioperíodo no Ricco’s, além de ter o próprio irmão, Matt, como seu anjo da guarda. Tudo poderia ser perfeito se sua amiga Taylor não começasse a se envolver com um dos novos rapazes da sinistra turma que surgiu nas redondezas... E se Lili, uma garota sem passado nenhum, não se mudasse para o apartamento vizinho ao de Luc. Mal sabe Frannie que, por trás disso, as coisas são muito mais complicadas... E que sua alma – e a daqueles que ama – está em risco de sucumbir à criatura que traz consigo o Pecado Original. Continuação de Personal Demons: Amor Infernal.

Preço Sugerido: R$41,90

Numero de Paginas: 520

18 de jun de 2011

Nerds - Varias Sinopses

Faz muito tempo que eu não posto nada no blog, estou me sentindo péssima. Agora que eu estou namorando eu passo o dia todo no msn e leio um/meio capitulo por dia, também estou em época de provas ai ler é a menor das minha prioridades. Mas essa já é a minha ultima semana de aulas e eu juro que nas ferias vão ter vários posts fresquinhos. Para me redimir eu vou postar a sinopse de 4 livros que eu estou morrendo de vontade de comprar e ai fica a dica para vocês.

Perdida - Um Amor Que Ultrapassa As Barreiras do Tempo: “Ian era diferente dos caras que eu conhecia, sempre tão educado e atencioso. Mas assim eram todos os homens daquele século. Alguma coisa naqueles olhos escuros me fizeram confiar nele, aceitar sua ajuda, querer falar com ele e... querer tocá-lo de forma nada educada! Um tremendo erro! Um erro que depois me machucaria muito. Precisaria ser cuidadosa e evitar ficar sozinha com Ian. E precisaria, acima de tudo, manter minhas mãos bem longe dele!” Numa louca e divertida aventura, Sofia acaba encontrando mais que diferenças culturais, acaba encontrando a si mesma e um grande amor. Uma narrativa bem humorada sobre uma história tão devassada como a viagem no tempo vista do ponto de vista feminino, que sempre é um pouco diferente, ligeiramente mais confuso e muito conturbado. Perdida é uma história apaixonante e com um ritmo eletrizante, que fará o leitor devorar até a última página!

Lonely Hearts Club: Penny Lane Bloom cansou de tentar, cansou de ser magoada e decidiu: homens são o inimigo. Exceto os únicos quatro caras que nunca decepcionaram uma garota — John, Paul, George e Ringo. E foi justamente nos Beatles que ela encontrou uma resposta à altura de sua indignação: Penny é fundadora e única afiliada do lonely hearts club — o lugar certo para a mulher que não precisa de namorados idiotas para ser feliz. Lá, ela sempre estará em primeiro lugar, e eles não são nem um pouco bem-vindos. O clube, é claro, vira o centro das atenções na escola McKinley. Penny, ao que tudo indica, não é a única aluna farta de ver as amigas mudarem completamente (quase sempre, para pior) só para agradar aos namorados, e de constatar que eles, na verdade, não estão nem aí para elas. Agora, todas querem fazer parte do lonely hearts club, e Penny é idolatrada por dezenas de meninas que não querem enxergar um namorado nem a quilômetros de distância. Jamais. Seja quem for. Mas será realmente que nenhum carinha vale a pena?

Ladrões de Elite: Quando tinha 5 anos, Katarina Bishop distraiu os guardas da Torre de Londres para que o pai pudesse roubá-la. Aos 7, ela ouviu o tio Eddie planejar a interceptação de 80% do caviar do planeta. Quando fez 15 anos, Katarina armou um golpe por conta própria – um esquema para entrar no melhor colégio interno dos Estados Unidos e deixar para trás os negócios da família. Só que trocar de “ramo” e ter uma vida normal acabou sendo mais difícil do que Kat esperava. Hale, seu amigo charmoso, bilionário e antigo comparsa, logo aparece para levá-la de volta à realidade da qual ela havia se esforçado tanto para fugir. Mas é por um bom motivo: uma inestimável coleção de arte de um temido mafioso foi roubada e ele quer recuperá-la, custe o que custar. Somente um mestre do crime poderia ter realizado essa proeza e o pai de Kat é o único suspeito, embora insista em negar qualquer envolvimento. Encurralado entre a Interpol e um inimigo assustador, ele precisa da ajuda da filha. Para Kat, só existe uma saída: encontrar os quadros e roubá-los de volta. Não importa se parece impossível, se ela não tem pistas do ladrão e se o prazo é de apenas duas semanas. Com uma equipe de adolescentes talentosos e uma mãozinha da sorte, Kat está deter- minada a realizar o maior golpe da história da família e provar que jamais a abandonou. Ladrões de elite é uma história envolvente, cheia de ação, suspense, romance e humor. Esta aventura de tirar o fôlego leva o leitor a vários lugares do mundo e apresenta cenários deslumbrantes, personagens excêntricos e mais reviravoltas que Onze homens e um segredo. O mundo do crime nunca pareceu tão sofisticado, atraente e divertido.

Anna e o Beijo Francês: “Isto é tudo o que sei sobre a França: Madeline, Amélie e Moulin Rouge. A Torre Eiffel e o Arco do Triunfo também, embora eu não saiba qual a verdadeira função de nenhum dos dois. Napoleão, Maria Antonieta e vários reis chamados Louis. Também não estou certa do que eles fizeram, mas acho que tem alguma coisa a ver com a Revolução Francesa, que tem algo a ver com o Dia da Bastilha. O museu de arte chama-se Louvre, tem o formato de uma pirâmide, e a Mona Lisa vive lá junto com a estátua da mulher sem braços. E tem cafés e bistrôs — ou qualquer nome que eles dão a estes — em cada esquina... Não é que eu seja ingrata, quero dizer, é Paris. A Cidade Luz! A cidade mais romântica do mundo.”Anna Oliphant não está nada entusiasmada com a ideia de se mudar para Paris, já que seu pai, um famoso escritor norte-americano, decidiu enviá-la para um colégio interno na Cidade Luz. Anna prefere ficar em Atlanta, onde tem um bom emprego, uma melhor amiga fiel e um namoro prestes a acontecer.Mas, ao chegar a Paris, Anna conhece

Étienne St. Clair, um rapaz inteligente, charmoso e bonito. Só que Etiénne, além de tudo, tem uma namorada... Anna e Etiénne se aproximam e as coisas ficam mais complicadas. Será que um ano inteiro de desencontros em Paris terminará com o esperado beijo francês? Ou certas coisas simplesmente não estão destinadas a acontecer? Stephanie Perkins escreveu um romance de estreia divertido, com personagens espirituosos que garantem dedos

formigando e corações derretendo.

1 de jun de 2011

Nerds - Elixir

Sinopse do mais novo lançamento da Editora ID: Elixir da Hillary Duff.

Com seus dezessete anos, Clea Raymond vem sentindo o brilho dos holofotes desde que nasceu. Filha de um renomado cirurgião e uma importante política, ela se tornou uma talentosa fotojornalista, refugiando-se em um mundo que a permite viajar para diversos lugares exóticos. No entanto, após seu pai ter desaparecido em uma missão humanitária, Clea começa a perceber imagens sinistras e obscuras em suas fotos revelando um belo homem que ela nunca viu antes. Quando o destino faz Clea se encontrar com esse homem, ela fica espantada pela conexão forte e instantânea que sente por ele. Conforme se aproximam e se envolvem no mistério do desaparecimento do pai de Clea, eles descobrem a verdade secular por trás dessa intensa ligação.

Sobre Hilary Duff:

É uma atriz e cantora multifacetada que começou sua carreira na famosa série televisiva Lizzie McGuire. Desde então, ela já trabalhou em diversos filmes e séries de TV, como em sua recente participação especial em Gossip Girl. Ela já vendeu mais de treze milhões de discos no mundo todo e tem sua própria linha de roupas, a Femme, para a DKNY, e até um perfume muito famoso, chamado With Love... Hilary Duff, lançado pela Elizabeth Arden. O trabalho humanitário realizado por ela é reconhecido no mundo todo. Ela tem uma participação ativa na instituição de caridade Blessings in a Backpack, algo como Bênçãos em uma Mochila, um programa que oferece cuidados especiais para crianças que nunca tiveram esse carinho. Ela já trabalhou para o Conselho Presidencial sobre os Serviços e a Participação Civil e foi nomeada embaixadora da juventude de Bogotá, na Colômbia. Elixir é seu primeiro livro.

O preço sugerido é de 34,50 reais e o livro tem 280 páginas. E não sei quanto a vocês, mas eu achei a capa linda

29 de mai de 2011

Nerds - Uma Manha Gloriosa

Becky Fuller trabalha como produtora de um programa de televisão numa emissora local de Nova Jersey. Ela é despedida, mas vê seu sonho de trabalhar em Nova York se tornar realidade quando aceita um emprego no Daybreak, programa com péssimos índices de audiência, equipamentos ultrapassados e uma equipe excêntrica. Agora ela deverá salvar sua carreira, sua vida amorosa e o Daybreak.

UMG é um livro da Diana Peterfreund, mesma autora de Sociedade Secreta Rosa & Tumulo, e pelo que eu entendi na verdade a Diana apenas adaptou o roteiro do filme para virar um livro. Mas apesar de compartilharem a mesma autora, SSR&T e UMG têm estilos diferentes. UMG é bem leve e divertido, definindo em uma palavra; Chick-lit. SSR&T tem mais suspense, mais intrigas.

Eu gostei do livro, ri com ele e achei algumas partes bem fofinhas, é o tipo de livro leve que você começa a ler e de repente já acabou, pra quem gosta do gênero é uma boa escolha.

21 de mai de 2011

Nerds - Desculpa, Quero Me Casar Contigo

Oi, estava meio sumida do blog. Mil desculpas, ultimamente estava difícil conseguir um tempo para ler, tanto que eu praticamente terminei esse livro durantes as minhas aulas de física.

Desculpa, Quero Me Casar Contigo é a continuação de Desculpa, se te Chamo de Amor. Nesta continuação Alex pede Niki em casamento e conforme o tempo vai passando começa a surgir algumas duvidas, principalmente na cabeça de Niki já que é ela a que mais sofre o estres dos preparativos do casamento. E Niki e Alex não são os únicos a terem problemas, todos os amigos de Alex e todas as amigas de Niki. Uma engravida, outro se separa da mulher, uma tem um novo namorado a cada semana, outro é abandonado pela mulher e finalmente Susanna pega Pietro com outra mulher. Durante o livro todos os personagens se fazem uma pergunta: Pode o amor durar para sempre?

Eu gostei desse bem mais que do primeiro livro, provavelmente porque eu já sabia tudo o que ia acontecer nele. No começo o livro é meio parado, mas depois fica melhorzinho. Também achei que o livro era engraçadinho, e apesar de não ser o livro mais romântico que eu já li, teve uma hora no final que eu tive que engolir o choro. Eu gostei do livro e adorei a ideia de sair um pouco dos EUA, mas assim que eu terminei o livro eu não senti aquela sensação de esse livro acrescentou alguma coisa na minha vida.

3 de mai de 2011

Nerds - 100 Escovadas Antes de Dormir

O livro relata em forma de diário, sem pudores nem meias palavras, as precoces e variadas experiências sexuais vividas por uma colegial entre os 15 e os 16 anos. A descoberta de um mundo novo e diferente: o próprio corpo de adolescente, a viagem em busca de si mesma através do sexo, o desejo de captar o sentimento sempre inefável que é o amor. E também a ilusão de encontrá-lo em muitas camas, em muitos corpos, em casas desconhecidas com homens que não a amam. É esse o ponto de partida para um relato que mistura de forma provocadora ficção e realidade. A protagonista do livro se entrega aos excessos carnais como se desejasse, através deles, transcender o corpo. Orgias regadas a drogas, sadomasoquismo, homossexualismo: nada detém sua curiosidade, mas seu prazer é tingido de repulsa e insegurança. Antes de dormir, Melissa escova cem vezes os longos cabelos, num ritual de purificação quase infantil que constitui, para o leitor, o único lembrete de que se trata, afinal, de uma menina

Melissa Panarello é uma italiana que escreveu o seu romance de estreia (100 Escovadas Antes de Dormir) aos 18 anos. O livro foi baseado em suas precoces e variadas experiências sexuais.

100 Escovadas Antes de Dormir é contado em forma de diário por uma garota, assim como a autora, chamada Melissa. Essa garota sofre com o abandono dos pais e inconscientemente acaba buscando essa falta de amor no sexo, durante o livro há todo o tipo de experiências sexuais; sexo grupal, homossexualismo, masoquismo, entre tantos outros. Mas não ache que o livro faz o tipo sensual, pelo contrario, o livro tem um tom de confissão, com drama e medo de julgamento.

O livro é muito pequeno, li em menos de um dia, e já tem na versão pocket book ( apenas 13,90 reais) e tem um filme que foi feito em 2005 que por algum milagre da natureza vende aqui no Brasil. 100 Escovadas Antes de Dormir é um livro interessante de se ler, mas para ser bem sincera, ele não acrescentou nada à minha vida.

26 de abr de 2011

Nerds - A Coisa Mais Doce

No segundo livro da série Inside Girl, Flan Flood finalmente consegue conciliar sua agitada vida social com os estudos em um colégio público, o namoro com Bennett e a amizade com Judith e Meredith. Tudo ia perfeitamente bem até o momento que suas duas amigas se apaixonam por Adam, o belo zagueiro da Stuyvesant. Para manter a amizade, as três estabelecem a regra “NDA” – Nada De Adam.

Entretanto, quando menos se espera, Flan se vê no centro de uma disputa pelas atenções de Adam, e tudo conspira para que os dois se aproximem. Enquanto isso, Sarah-Beth organiza uma inesquecível festa de Halloween na qual tudo pode acontecer. Será que Flan conseguirá se manter afastada do aluno mais gato do colégio e preservar o seu namoro com Adam? Ou acabará beijando seu príncipe à meia noite… e dando um beijo de despedida em suas novas amigas?

Quando eu vi o livro pela primeira vez eu pensei “Droga, mais um livro do tipo Gossip Girl para ler” acontece que apesar da Flan ter dinheiro e tal o livro esta muito mais para um Meg Cabot da vida do que para um Cecily von Ziegesar. O livro é engraçado e fofinho, bem no estilo Chick lit teen.

Eu não tinha lido o primeiro livro, mas não tive grandes problemas para entender o segundo. Flan Flood tem dois irmãos mais velhos e pais que não dão atenção a ela, um dia ela decide começar a estudar em um colégio publico e lá ela faz duas amigas e consegue um namorado. O drama do segundo livro é que essas duas amigas se apaixonam pelo mesmo  cara e meio que sem querer a Flan fica a fim dele, só que isso ela mantem no mais absoluto segredo.

Quem gosta do gênero com certeza vai amar essa serie.

20 de abr de 2011

Promoção - Vale Ingresso A Garota da Capa Vermelha

poster_2324

Nova Promo aqui no blog. Dessa vez eu vou sortear um vale ingresso para assistir ao filme A Garota da Capa Vermelha e um marcador de livro, também de A Garota da Capa Vermelha.

Para participar é só me seguir no Twitter (@giueisa) seguir a Editora ID e dar RT nesse link: http://twitter.com/#!/giueisa/status/60820341181779968

O sorteio vai ser realizado dia 28/04 lá pelas 20:00 e pretendo enviar o vale ingresso no dia seguinte.

Boa Sorte a todos!

19 de abr de 2011

Nerds - Agua Para Elefantes

Ultimamente eu ando tão chata com livro que as vezes eu acho melhor nem escrever no blog. Me pergunto se o problema sou eu ou é o livro. Mas tudo bem, é a vida, mesmo odiando eu vou fazer uma resenha negativa.

Desde que perdeu sua esposa, Jacob Jankowski vive numa casa de repouso, cercado por senhoras simpáticas, enfermeiras solícitas e fantasmas do passado. Por 70 anos Jacob guardou um segredo. Ele nunca falou a ninguém sobre os anos de sua juventude em que trabalhou no circo. Até agora.

Aos 23 anos, Jacob era um estudante de veterinária. Mas sua sorte muda quando seus pais morrem num acidente de carro. Órfão, sem dinheiro e sem ter para onde ir, ele deixa a faculdade antes de prestar os exames finais e acaba pulando em um trem em movimento - o Esquadrão Voador do circo Irmãos Benzini, o Maior Espetáculo da Terra.

Admitido para cuidar dos animais, Jacob sofrerá nas mãos do Tio Al, o empresário tirano do circo, e de August, o ora encantador, ora intratável chefe do setor dos animais.

É também sob as lonas dos Irmãos Benzini que Jacob vai se apaixonar duas vezes: primeiro por Marlena, a bela estrela do número dos cavalos e esposa de August, e depois por Rosie, a elefanta aparentemente estúpida que deveria ser a salvação do circo.

Eu achei a parte que é o Jacob velho falando bem contada, ele fala que tem 93 anos mas que todos o tratam como se tivesse 5 e que apesar da idade avançada ele ainda é lucido só que miguem percebe isso, se bem que a parte da lucidez é questionável, já que é o próprio Jacob que conta a historia. Também adorei a parte dos palavrões, eu já estava cansada dos tradutores tirarem palavrões para a faixa etária do livro abaixar.

Eu não sei se é por já ter lido Salto Mortal que eu achei APE tão sem sal ou se APE realmente é sem sal. O livro tem romance, mas nada como Crepúsculo, o livro tem drama, mas nada como E O Vento Levou, o livro é um pouco detalhista, mas nada como aqueles livrinhos de banca. Não me lembro de ter dado uma risada se quer durante o livro e eu não achei o final do livro bom.

O livro virou filme e pelo que eu vi em alguns sites a sua estreia aqui no Brasil será no dia 29 de abril, mas não achei nada nos sites da Ucicinemas nem do Cinemark. O irônico é que mesmo não tendo gostado do livro eu ainda quero ver o filme. E falando em ironia, alguém mais achou irônico o Robert Pattinson, o eterno Edward, interpretar alguém chamado Jacob?

13 de abr de 2011

Nerds - Tormenta

Tormenta é o segundo livro da serie Fallen cujo o primeiro livro se chama (olha só a criatividade!) Fallen que você pode ver a resenha aqui ou aqui (o primeiro aqui é o que tem a melhor resenha). Por motivos que eu vou explicar no ultimo paragrafo, eu não gostei muito do livro, por tanto aqui vai a sinopse que eu copiei do site da Galera.

Luce está mais uma vez separada de Daniel, mas somente pelo tempo necessário para caçar os Párias — anjos caídos, como ele, mas que desejam Luce morta mais do que tudo.

Daniel leva sua amada mortal até a Shoreline, uma escola na rochosa costa californiana que esconde alunos com talentos únicos: os nefilim, filhos ou descendentes de relacionamentos entre anjos e mortais.

Na Shoreline, Luce aprende mais sobre as sombras, e como pode utilizá-las como janelas para suas vidas passadas. Porém, quanto mais Luce descobre todas aquelas Luces anteriores a ela, mais ela suspeita que Daniel está escondendo um segredo — um segredo mortal.

E se a versão de Daniel para o passado dos dois não é exatamente verdadeira? E se Luce devesse estar com outra pessoa — em uma vida não amaldiçoada por esse amor proibido? Será que ser amada por um anjo vale todo o sofrimento em séculos de existência?

Assim que eu li essa sinopse um sorriso de ponta a ponta apareceu o meu rosto, “Legal eu amo o Cam e eu realmente queria que ele tivesse uma chance com a Luce” o problema é que o Cam mal aparece no livro (um dos motivos por eu não ter gostado do livro), essa outra pessoa que talvez a Luce deveria estar é totalmente nada a ver (não basta ela ter o Daniel e o Cam atrás dela, ela precisa ter um terceiro) e durante o livro ela faz umas coisas que eu juro que se pudesse eu entrava no livro e bateria nela. Tem umas partes fofas, umas engraçadas, e algumas questões a se pensar: O que é certo e o que é errado? O bem é o mal são completos opostos ou existe um meio termo entre eles? Apesar dos pontos possitivos eu só vou recomenda-lo porque eu realmente amei Fallen.

Ps: Uma coisa que eu amei foi a capa, OMG essa serie tem as capas mais bonitas do mundo. Aqui vai a capa de Tormenta e de sua continuação; Passion.

29 de mar de 2011

Nerds - Quando o raio cai

Quando o raio cai é o primeiro livro  da nova (nova aqui no Brasil) serie da Meg Cabot. Toda a serie já foi lançado nos EUA e é composta de 5 livros ao todo. A serie conta a historia de Jessica uma garota que foi atingida por um raio e depois de dormir ela sabe a localização exata de pessoas desaparecidas.

Jessica é uma garota normal, mas que sempre que provocada não vê problemas para bater. E foi para defender a amiga que ela bateu no jogador de futebol americano da escola. Isso lhe rendeu uma detenção, mas tudo bem, ela já estava acostumada com detenções e além disso tinha um motoqueiro mega gato e sempre estava na detenção também. Um dia voltando para casa Jess é atingida pelo raio e acaba com esse poder especial. Só que o tanto de ligações dela para o disque desaparecidos chama a atenção das autoridades. Logo todo o país sabe de seu poder e a mídia começa a assedia-la, ela acaba sendo obrigada a sair de casa porque os jornalistas estão atormentando demais seu irmão esquizofrênico. Mas isso não é o pior, Jess descobre que um dos garotos que ela deu a localização na verdade só tinha fugido de casa junto com a mãe porque seu pai era abusivo, agora Jess simplesmente tem que ajudar o garoto.

Eu acho a Meg uma escritora maravilhosa, divertida e com livros fáceis de se ler e Quando o Raio Cai tem um Q de rebeldia, do mesmo tipo que tem em A Mediadora (serie que eu amo e que se você nunca leu você realmente não sabe o que esta perdendo).

22 de mar de 2011

Nerds - Mil e Uma Noites de Silencio

Eu quero começar este post dizendo que eu não fui com a cara da protagonista. Ela é santinha demais para mim e depressiva demais para mim. Acho que a minha maior crise com ela foi a de eu estar me sentindo extremamente feliz e a personagem passar quase que o livro inteiro sozinha e com depressão.

O livro é contado em primeira pessoa pela Clara, uma garota religiosa (ao menos no começo do livro) que esta em crise porque sua mãe adotiva morreu (a mãe biológica a abandonou quando ela tinha dois meses). O grande problema de Clara é a solidão, mãe biológica a abandonou? Checked. O noivo a abandonou no altar? Checked. Mãe adotiva morreu de câncer? Checked. Sua atual melhor amiga morreu? Checked. Sua melhor amiga da faculdade sumiu? Checked. É, pensando bem eu acho que ela tem motivos para se sentir depressiva e sozinha.

Depois da morte dessa amiga Clara vai procurar a tal amiga desaparecida em Bangônia (A cidade é fictícia, mas pelos Tú que os personagens falam, eu imagino que fique no sul do país) e depois de alguns acontecimentos ela vai atrás da mãe biológica.

Eu li algumas resenhas dizendo que o livro é principalmente sobre solidão “levantava a bandeira da solidão perpetua” eu concordo, mas também acho que o livro diz muito sobre como as aparências enganam. Em MeUNdS, com algumas exceções, ninguém é o que aparenta ser.

O livro é contado de uma forma que eu adoro, com muita reflexão da personagem e recheado de frases dramáticas e inteligentes.

“Já era doutora em colocar meu próprio coração na geladeira”

Falando em inteligente… Não vou falar que foi o melhor final que eu já li (meu primeiro lugar sempre vai ser de …E o Vento Levou) mas puta que pariu Mayra Dias Gomes, a parte dos vinte e sete comprimidos e da escopolamina foram muito inteligentes.

Aproveitando que esse post vai ficar gigante, eu queria falar sobre a capa. Na capa tem uma mulher segurando uma mala cinza de viagem e ao lado tem uma daquelas caixinhas de levar bichicho de estimação na viagem (Ela tem um gato) e ao lado uma caixa preta (ela também tem uma caixa preta) no chão tem um jornal com a manchete Assassinato Brutal (Tem um assassinato no livro) atrás tem um chapéu de marinheiro (O Hank tem um chapéu de marinheiro) no canto superior esquerdo tem uma casa no alto da montanha que da medo (no livro também tem uma casa na montanha) e se você reparar no canto inferior esquerdo tem umas flores vermelhas, provavelmente margaridas, ou talvez Margarida (depois que você ler, você vai entender).

Eu gostei do livro, ele é totalmente diferente de Fugalaça, acho que se eu estivesse me sentindo depressiva e sozinha eu o teria apreciado muito mais e eu mal posso esperar pelo próximo livro da Mayra Dias Gomes.

14 de mar de 2011

Promoção - A Garota da Capa Vermelha

Ontem eu publiquei uma resenha da A Garota de Capa Vermelha aqui, e hoje nós teremos a promoção valendo o 1° capitulo de  AGdCV e um marca pagina.

Para participar é simples; Me siga no Twitter, siga a editora ID no Twitter e de um RT no link http://twitter.com/#!/giueisa/status/47382521251500032

O sorteio será realizado dia 18/3 lá pelas 21:00 horas. Boa sorte a

todos.

Obs: Desculpa pela foto, mas hoje eu não estou com muita paciência para isso.

13 de mar de 2011

Nerds - A Garota Da Capa Vermelha

A Garota Da Capa Vermelha foi uma ideia que o Leonardo (Irresistível) DiCaprio teve e ai resolveram transformar em um filme com a Catherine Hardwicke como diretora. Acontece que a Cath gostou da historia e achou que daria um bom livro, então ela perguntou para uma amiga (Sarah Blakley Cartwright) se ela não queria escrever uma versão gótica da historia da chapeuzinho vermelho.

Era uma vez uma garota que ia se casar com um ferreiro.

Era uma vez um lenhador que queria fugir com ela.

Era uma vez um lobo…

O corpo de uma garota é descoberto em um campo de trigo. Em sua carne mutilada, marcas de garras. O Lobo havia quebrado a paz. O inverno havia chegado mais cedo. Quando Valerie descobre que sua irmã foi assassinada pela lendária criatura, ela acaba mergulhando de forma irreversível em um grande mistério que vem amaldiçoando sua aldeia por gerações. A revelação vem com Father Solomon: A fera é um dos habitantes da aldeia. Todos se tornam suspeitos. Estaria Peter, sua paixão secreta desde a infância, envolvido nos ataques? Ou seria Henry, seu noivo, o Lobisomem que assola as redondezas? Ou, talvez, alguém mais próximo? Extremamente próximos…

O ponto principal no livro é o suspense, quem é o lobo? Será que é Peter? Os ataques começaram quando ele chegou na cidade. Será que é Henry? Afinal ele se sente diferente das pessoas da aldeia. Ou será que o lobo esta disfarçado como a vovozinha?

O livro é narrado em 3°pessoa de um forma sombria e inteligente. O livro provavelmente se passa durante a Idade Media, na época de caça as bruxas, na época em que todo mundo desconfiava de todo mundo, em que vizinho dedurava vizinho. Quando o Father Solomon anuncia que o lobo esta entre os habitantes da aldeia até o leitor é tomado pela desconfiança e agonia que as pessoas deveriam sentir durante aquela época.

O livro é bastante envolvente e uma ótima pedida para quem gosta de uma historia mais obscura. O único contra é o final; o livro acaba de um jeito que você fica “de verdade que é só isso?” mas ai você vira a pagina e “Será esse o verdadeiro final da historia de Valerie? Visite http://www.editoraid.com.br/agarotadacapavermelha e descubra.” só que esse final só sai daqui a 40 dias, 2 dias depois da estreia do filme. Falando no filme, aqui esta o trailer:

Obs: Amanha tem promoção de um marca página e do primeiro capítulo do A Garota Da Capa Vermelha

11 de mar de 2011

Nerds - Pegando Fogo

Outro dia olhando os posts antigos eu percebi que já fiz dois post para a Meg Cabot e nenhum só para um livro dela. Tanto por ser um dos livros que eu mais gosto quanto por hoje eu estar me sentindo meio Katie Ellison hoje eu vou postar sobre o livro Pegando Fogo.

Pegando fogo (tradução péssima do titulo) é sobre Katie, uma garota que mora em uma cidade do interior dos Estados Unidos e que tem um namorado maravilhoso que também é um corno maravilhoso. Como ela poderia dizer não às investidas de Eric ( outro que é muito gato)? E como ela poderia simplesmente terminar com o namorado quando todas as meninas queriam namorar com ele? E como ela poderia dizer que odeia Quahog ( o mascote da cidade) quando todo mundo adora? E nessa vida de pequenas mentiras (ou como eu digo para mamãe, pequenas omissões) que Tommy volta para a cidade. Tommy e Katie eram amigos quando crianças, mas teve um problema entre Tommy e as outras crianças e ele se mudou de cidade. Passa alguns anos e Tommy volta para a cidade, a primeira vez que Katie o vê é quando ele esta saindo do mar, eu preciso dizer que ele é mega gato e gotoso? Se Tommy e Katie se pegam durante o livro? O livro se chama Pegando Fogo, tirem suas própria conclusões.

Esse livro é um dos motivos por eu amar tanto a Meg. É engraçado, é romântico, tem um pouquinho de drama, os personagens são legais e é do tipo fácil de se ler. Em resumo; é aquele romance bobinho que você PRECISA ter na sua estante.

4 de mar de 2011

Nerds - Bubble Gum

Primeiro eu queria agradecer a todos que participaram da promoção dos marcadores da ID e parabenizar a @vivianeLinares ganhadora da promoção. http://sorteie.me/1FcG3E

Bubble Gum é um dos livros mais geniais que eu já li, eu não esperava muito dele mais eu me surpreendi muito, principalmente com o final

BG é da escritora francesa Lolita Pille ( HELL Paris – 75016 e Cidade da Penumbra) que escreveu esse livro apenas uma ano depois de seu primeiro lançamento. Mas mesmo tendo somente o espaço de um ano da para perceber que a autora ficou muito mais madura. O numero de palavras difíceis aumentou, a historia ficou maior, com mais conteúdo e mais intensa. No geral eu gostei bem mais de BG do que de Hell

O livro é realmente maravilhoso, de verdade se você tiver oportunidade compre-o. Como eu estou meio sem tempo aqui vai a sinopse da Livraria Cultura.

Dois personagens se encontram e se confrontam em 'Bubble Gum'. Manon, uma jovem provinciana, bonita e entediada, que sai do sul da França para tentar a vida como modelo em Paris, começando como garçonete; e Derek Delano - herdeiro de uma multinacional do petróleo, aristocrata 'blasé' cujo maior prazer é comprar e manipular as pessoas em jogos cruéis. Atraído por Manon, Derek é seduzido pela ideia de corrompe-lá, de estragar seu destino. Afinal de contas, numa vida esvaziada de sentido, a destruição de um ser inocente é um projeto de vida que faz tanto sentido como qualquer outro. Graças a ele, Manon realiza o sonho de brilhar como modelo e atriz, mas ao preço da dependência de antidepressivos, cocaína e outros vícios. Mas logo se dá conta da armadilha em que caiu e planeja uma vingança.

27 de fev de 2011

Promoção!! - Marcadores da ID

Eba, o blog terá sua 2° promoção Eh!!!! Eu vou sortear 5 marcadores de livro, um é o marcador de Monster High, o outro de Blue Bloods(meu marcador preferido), o 3° marcador é de Beijos de Vampiro, o 4° de Louco aos Poucos e o ultimo marcador é de Personal Demons.

Para participar é só me seguir no twitter (@giueisa), seguir a editora ID e dar um RT nesse link: http://kingo.to/uBe.

Eu vou sortear o ganhador na sexta-feira, dia 4 de março. Provavelmente o sorteio vai ocorrer entre as 13:00 e as 16:00, eu ainda não posso dar uma certeza do horário. Aproveitando que estou falando da ID… Eu só queria dizer aos desavisados sobre o novo lançamento da ID: A Garota da Capa Vermelha. Livro que virou um filme com a Amanda Seyfried e que estreia aqui no Brasil dia 21 de Abril.

24 de fev de 2011

Nerds - Samantha Sweet Executiva do Lar

Estou me sentindo super feliz, hoje eu comprei pela internet nada mais nada menos que 9 livros!!! Entres esses 9 estão: Quando o raio cai, Uma manhã Gloriosa, Agua para Elefantes, Tormenta, Ritos de Primavera. Mas além de feliz eu estou me sentindo meio consumista, 9 livros é muita coisa.

Falando em consumista… Hoje eu vou falar de um livro da autora da minha consumista preferida.

SSEdL é um livro da Sophie Kinsella, e como todos os livros da Sophie (e Chick lits em geral) ele é leve, extremamente divertido, romântico, extremamente divertido, com acontecimentos do dia-a-dia e extremamente divertido.

Samantha é uma advogada extremamente inteligente que esta prestes a se tornar sócia da impressa em que trabalha, só que quando ela descobre que aceitaram ela como sócia ela também descobre que fez um erro que custará alguns milhões de dólares. Desesperada ela foge para o interior da Inglaterra, lá ela é confundida com a candidata a empregada domestica e acaba aceitando o emprego de domestica em uma casa que tem um jardineiro gato. Os dois se envolvem em um romance (obvio), porem a crise mal resolvida do seu antigo trabalho continua a atormentada. Ela não pode ter cometido aquele erro, ou será que ela cometeu?

Eu gostei desse livro apesar de ele ser o que eu menos gostei entre todos os livros da Sophie. Se você já leu algum livro da Sophie Kinsella, você já sabe que SSEdL é um bom livro para se ler. Mas se você nunca leu nenhum livro da Sophie, corre agora para a livraria mais próxima.

19 de fev de 2011

Nerds - Um Grito de Amor do Centro do Mundo

Se esse não for um dos melhores títulos que você já leu eu corro pelada pela Paulista. Uma vez minha professora disse que o que faz você comprar um livro é o titulo, eu descordei dizendo que é a capa, agora eu vou ter que voltar atrás no que disse.

Além do titulo, outro motivo por eu ter comprado UGdAdCdT foi por se passar no Japão, quer dizer, quantos livros de autores japoneses você já leu? Esse foi o meu primeiro. Quanto à historia eu não tinha sentido grande entusiasmo; Menino e menina se apaixonam, mas ela fica doente e morre (Um Amor Para Recordar diz alguma coisa?). Mas é só esse ponto que eles têm em comum.

Sakutarô é ainda um garoto quando conhece Aki na escola em que estuda, numa cidadezinha japonesa. Ela é bela, inteligente e popular, e eles logo se tornam amigos inseparáveis. Mas, conforme Sakutarô amadurece, ele começa a ver em Aki mais do que apenas uma amiga. Em pouco tempo, sua relação se transforma numa paixão arrebatadora. Os adolescentes trocam juras de amor; prometem nunca mais se separar. Mas uma tragédia fará com que o destino de ambos seja irremediavelmente alterado.

Um Grito de Amor do Centro do Mundo é um dos romances japoneses mais lidos de todos os tempos, foram mais de 3,5 milhões de exemplares vendidos no Japão e traduzido em 5 línguas; Português, Inglês, Espanhol, Frances e Alemão.

UGdAdCdT foi lançado em 2001 e é narrado em 1° pessoa. Logo no começo agente já descobre que a Aki morreu, conforme o livro vai passando agente descobre como eles se conheceram e que doença ela tinha. Não é o tipo de livro que pinga açúcar, mas ainda assim ele fofinho.

O que me chamou a atenção no livro foram as diferenças entre os japoneses e nós e também algumas conversas entre os personagens. Por exemplo, se após a morte duas almas podem ficar juntas ou se se casar com uma pessoa gostando de outra é traição e também:

“Se tivéssemos pouca comida, eu daria a minha parte para você, Aki. Se tivéssemos pouco dinheiro, eu deixaria de comprar o que queria para poder comprar o que você queira. Se você dissesse que a comida estava gostasse, eu me sentiria igualmente satisfeito e, se você fosse feliz, eu também seria igualmente feliz.”

PS: Em breve teremos outra promoção.

14 de fev de 2011

Nerds - Mentirinhas Inocentes

Oi meu nome é Isabella, e eu estou hoje aqui para falar de um livro que eu li nas férias e recomendo! Ele se chama Mentirinhas Inocentes , foi escrito por Gemma Townley, a mesma escritora de Quando em Roma.

A história começa depois que Natalie Raglan se muda da pacata cidade de Bath para a grande e movimentada cidade de Londres, onde vai morar em um apartamento em Nothing Hill, porém o corretor com quem ela alugou o apartamento pediu para que ela guarda- se as cartas que chegassem da antiga moradora, Cressida Langton, caso ela volta -se.

Natalie no entanto vive mentindo a seus pais e a melhor amiga sobre sua nova vida em Londres, ela mente sobre sua nova vida em Londres, ela diz ter uma vida social e agitada quando na verdade passa as noites d fim de semana sozinha em casa, e diz também ter um emprego maravilhoso, mesmo trabalhando em uma loja de roupas como vendedora e tendo uma chefe terrível no qual não suporta. Mas com todo esse começo o difícil mesmo é Natalie conseguir segurar sua curiosidade em abrir um envelope de Cressida, o que se torna impossível, quando um deles se trata de um comitê super badalado ao Soho House, o que acabou provocando mais curiosidade ainda em Natalie. E por meio dessas cartas que Natalie abre, uma delas é de Leonora dando o número do telefone de um pretendente a Cressida, e em um dia de embriaguez de Natalie ela acaba ligando ao número de telefone da carta e começa a partir do retorno do telefonema a sair com Simon, um lindo executivo do banco de investimentos, que acha que ela é Cressida!

E aos poucos Natalie vai contando mais e mais mentirinhas até a situação sair de seu controle e lhe dar o maior problema! E é claro que muitas coisas a mais acontecem nesse meio tempo!

E o desenrolar dessa história vale ler o livro para saber! Ele tem uma leitura muito fácil e empolgante, sendo divertido e fabuloso! Li e recomendo!

7 de fev de 2011

Promoção - Beijada por um Anjo

Ebaaa a primeira promoção do blog!!!! Quer ganhar um exemplar de Beijada Por um Anjo + um marcador do livro??? Fácil, me siga no twitter (http://twitter.com/giueisa) e de um Rt no meu twitte que tem a tag #QueroBpuA (http://twitter.com/search?q=%23QueroBpuA#search?q=%23QueroBpuA). O sorteio vai acontecer na quinta (10/02) as 21:00.

Aqui vai um breve resenha de BpuA.

Tristan era um cara super popular e lindo e que era um dos nadadores da escola, todas as meninas babavam por ele, menos Ivy. Ivy era uma garota normal que morria de medo da agua e acreditava em anjos.

A mãe de Ivy vai se cassar de novo, por isso Ivy e seu irmãozinho têm que ir morar na casa do padrasto junto com o seu novo meio irmão (meio irmão que é o meu personagem preferido). Acontece que Ivy tem uma gata e essa gata não vai poder ficar na casa nova. Tristan que era meio fascinado pela Ivy logo se oferece para ficar com a gata. A partir dai os dois começam um romance fofinho (a parte mais fofa é quando o Tristan começa a ensinar a Ivy a nadar) porem (sempre tem um porem) o Tristan morre em um acidente de carro e a por causa desse acidente Ivy para de acreditar em anjos, a ironia SV300330disso tudo é que Tristan vira um anjo. E a historia continua, mas eu não posso contar se não estraga a surpresa.

O livro é bem fofinho (mas não excessivamente fofinho) e bem gostozinho de se ler. Beijada por um anjo é uma trilogia que já tem todos os livros traduzidos pela editora Nova Conceito. A única coisa que eu tenho a reclamar é que em algumas partes o livro é confuso, não sei se por opção da escritora ou por erro da editora por ser a 1° impressão.

5 de fev de 2011

Nerds - A Pirâmide Vermelha

Quando eu era criança, eu era muito viciada em Age of Mythology. Eu adorava jogar e ler uns negocinhos que tinham sobre os gregos, egípcios e nórdicos. Foi por causa do Age of Mythology que eu comecei a gostar da mitologia Egípcia.

A Pirâmide Vermelha é um livro que tem muito sobre a mitologia egípcia (o livro é do mesmo autor de Percy Jackson e os Olimpianos) e na verdade é o primeiro livro de uma serie chamada As Crônicas dos Kane.

Os irmãos Carter e Sadie Kane vivem separados desde a morte da mãe. Sadie é criada em Londres pelos avós, e Carter viaja o mundo com o pai, o Dr. Julius Kane, um famoso egiptologista. Levados pelo pai ao British Museum, os irmãos descobrem que os deuses do Egito estão despertando. Para piorar, Set, o deus mais cruel, tem vigiado os Kane. A fim de detê-lo, os irmãos embarcam em uma perigosa jornada - uma busca que revelará a verdade sobre sua família e sua ligação com uma ordem secreta do tempo dos faraós.

O livro é bem ao estilo Percy Jackson (apesar de eu ter gostado muito mais do Percy do que dos Kane). É divertido, fácil de ler, contagiante e recheado de mitologia. O livro de um pouquinho de romance, mas o ponto forte do livro é a aventura. Outra coisa que vale a pena ressaltar é que os capítulos são alternados; dois capítulos contados pelo Carter e outros dois pela Sadie. o Livro na verdade é um transcrição de uma gravação e em algumas partes tem algumas ilustrações.

No geral eu gostei bastante do livro, mas como eu disse antes, eu gostei muito mais de Percy Jackson.

1 de fev de 2011

Idiotas - Politicamente Incorreto

Esse é o 2° livro do Danilo Gentili (alguém por favor me conte o porquê de na cultura do Bourbon, esse livro esta na área de direito). Antes do livro ser criado, Danilo Gentile fez um stand-up com o mesmo nome, o show foi um grande sucesso e o livro sobre o assunto foi lançado.

O livro nos seus primeiros capítulos fala sobre os candidatos da eleição passada e sobre o nosso ex-presidente, o livro também tem outros capítulos, entre eles um dedicado a Brasília e um outro sobre a multa por não votar (meu preferido).

Me é escusado de dizer que o livro é muitooo engraçado, apesar de eu ter preferido o Como se Tornar o Pior Aluno da Escola. O livro é pequeno e também baratinho. Aqui vai alguns trechos do livro:

“Não sei se a Dilma está preparada para ser líder do país, mas com aquele cabelo já pode ser líder dos ThunderCats.”

”Lula quer levar o São Francisco para o sertão. Serra faz melhor. Mais duas chuvas e ele leva o Tietê pra lá.”

“O Congresso abriga os representantes dos estados e do povo quando nem esses estados têm abrigo suficiente para os seus moradores.”

“O Sarney se esforça tanto pra ninguém ler notícias ruins a seu respeito que manteve em 30% a taxa de analfabetismo no Maranhão.”

26 de jan de 2011

Nerds - Comédias para se Ler na Escola

Semana que vem começam as aulas (se as suas já começaram, pobre de você. Se não forem, eu te invejo). Segundo a minha opinião e a de vários amigos CPSLNE é o livro perfeito para se ler na escola.

O livro é dividido em 35 crônicas, cada crônica com uma media de duas paginas cada. Sabe quando tocou o sinal, o professor acabou de sair da sala e você tem que esperar o próximo? Esse livro é perfeito para ler nesses momentos.

O Luis Fernando Verissimo foi a razão por eu me apaixonar por crônicas. As crônicas dele são geniais, ele é genial. São todas muito engraçadas (algumas bem mais que outras) e fáceis de se entender. Algumas crônicas são apenas diálogos com travessões, outros são parágrafos com travessões e outros tem tanto paragrafo como travessão.

A minha crônica preferida é a Defenestração (não procurem no dicionário, leiam a crônica antes), e o livro conta com uma “continuação” o Mais Comedias para se Ler na Escola. Por eu digo uma ultima prova de que o livro é perfeito para se ler na escola; o livro é fininho, perfeito para esconder no meio dos livro quando algum professor estiver por perto.

21 de jan de 2011

Nerds - Vento Sinistro

A Associação de Fiscais existe desde sempre. Alguns Fiscais controlam o fogo, outros controlam a terra, a água ou o ar - e os mais poderosos podem controlar mais de um elemento. Sem os Fiscais, a Mãe Natureza acabaria varrendo a humanidade da face da Terra. “Você quer saber por que os dinossauros morreram? Olhe em volta. Eles não tinham nenhum Guardião.”. Além do controle dos 4 elementos VS tem mais um toque de sobrenatural, sabem a Jeannie é um Gênio? Não é exatamente como a Jeannie, mas VS também tem gênios em garrafas.

Joanne Baldwin é uma guardiã (ela controla a agua e o ar) e ela esta fugindo dos outros guardiões. Ela esta sendo acusada de assassinato e a única forma dela se salvar é achando o guardião mais poderoso do mundo, que por acaso também é o mais procurado do mundo.

Vento Sinistro é o 1° livro de uma serie chamada WEATHER WARDEN (traduzida como Os Fiscais do Clima). Essa serie é da mesma autora de VAMPIROS DE MORGANVILLE (Rachel Caine) e ambas as series estão sendo traduzidas pela editora Underworld. Ventos Sinistros foi lançado em 2003 e desde então já tem mais oito livros.

Eu adorei o jeito como a Rachel Caine escreve (me lembrou um pouco o estilo dos livros da Anita Blake) e a Rachel Caine escreve de um jeito que o suspense sempre fica no ar, no começo do livro tem um monte de perguntas não respondidas e gradualmente as perguntas são respondidas e ai você já esta quase que no fim do livro. O livro também tem a sua dose de romance e de erotismo e se você aprecia uma boa ironia você vai rir com esse livro.

17 de jan de 2011

Nerds - HELL Paris -75016

Lolita Pille escreve sem pudor sobre o mundo ao seu redor. Retrato sincero e devastador da juventude rica e consumista de Paris, que preenche suas vidas com sexo, álcool, drogas e roupas de grife, Hell poderia se passar em qualquer grande cidade do mundo, pois espelha os valores e o comportamento de uma classe para quem o mundo se divide em duas categorias: o ‘nós’ e o ‘vocês’. Uma classe que, sem encontrar limites para o prazer, vive o angustiante vazio do excesso.

Hell, pseudônimo da narradora, é uma garota rica, fútil e arrogante, detestável sob todos os aspectos, que se define logo na primeira frase do livro como ‘uma putinha, daquelas mais insuportáveis, da pior espécie’.

Assumidamente frívola e preconceituosa, ela gasta diariamente em butiques de luxo mais do que o salário mensal da maioria dos leitores do livro. Niilista, despreza a humanidade, e seu único credo é ’seja bela e consumista’. Todos os sonhos que o dinheiro pode comprar estão à sua disposição, incluindo drogas legais e ilegais. Faz amor sem amor e resume sua vida assim:’ Aos 14 anos entrei numa boate e nunca mais saí’.

Em sua narrativa nervosa quase não há trama, porque Hell e suas amigas vivem um presente perpétuo, uma sucessão de prazeres cujo sentido está nas aparências e na superfície das coisas. À primeira vista, elas têm um cartão de crédito no lugar do cérebro, um aspirador no lugar do nariz - e no lugar do coração um vazio. Sua identidade reside nos signos exteriores da riqueza e do status social. Sem suas bolsas de grife, elas perdem o equilíbrio.

Lolita escreveu o livro nas mesas de cafés da moda, às quatro horas da manhã, depois de sair das boates mais caras de Paris. Nos intervalos (e durante) as aulas, a que pouco assistia, no Liceu La Fontaine, frequentado pela juventude dourada do 16ème Arrondissement. Não precisou pesquisar muito: bastava olhar para os lados, conversar com as amigas insolentes e mimadas e descrever seu próprio cotidiano, vivida em badalados restaurantes, bares e hotéis e áreas VIPs de boates, sem falar nos passeios de Porches e Ferraris e nas viagens nos jatinhos de amigos.

Fenômeno editorial na França, Hell é fascinante e provocador, um livro desabusado e lúcido, diante do qual é impossível permanecer indiferente. Talvez o segredo do seu impacto esteja no fato de que, por traz da irritante exaltação do meio que frequenta, Lolita o denuncia da forma mais dura possível. A partir do momento em que faz um aborto, Hell adquire (diante de uma loja Baby Dior…) uma consciência amarga da vacuidade da sua existência. É então que a autora desvenda sem hipocrisia o mundinho fútil dos muito ricos, o lado sombrio da juventude dourada.

Essa traição, aliás, teve seu preço. Depois do lançamento de Hell, Lolita foi proibida de entrar em boates e rejeitada por amigos que se viram retratados em situações embaraçosas. Afinal, ela nunca disse que qualquer semelhança do seu livro com a realidade seria mera coincidência. Ao contrário, ela afirma que não exagerou em nada, apenas romanceou um pouco a sua vida real.

Sartre disse que o inferno são os outros, mas Hell carrega o inferno dentro dela, e no próprio nome. Ela é filosoficamente pessimista, tendo moldado seu ceticismo nas leituras de Baudelaire e Bataille: “Se os ricos não são felizes, é porque a felicidade não existe’, reflete. Ou ainda: ‘A humanidade sofre, e eu sofro com ela’. Mas, por mais que seja cínica diante da mediocridade que a rodeia, Lolita/Hell se recusa a assumir o papel de pobre menina rica. Ela não abre mão dessa vida, mordida pela engrenagem infernal da noite: ‘Não vou parar de sair. O que eu iria fazer de meu guarda-roupa Gucci?’.

Sabe aqueles livros que depois que você termina de ler você precisa de um tempo para decidir se gosta ou não dele?! Eu estou me sentindo meio assim com HELL.

HELL foi publicado em 2002, quando a Lolita Pille tinha só 19 anos (!!). Apesar da pouca idade ela escreve bem, dando às palavras novos significados além de fazer uma citação a Morfeu e a Dama das Camélias, e logo no primeiro capitulo tem uma frase perfeita sobre ela e o Capitalismo.

“Eu sou o símbolo manifesto da persistência do esquema marxista, a encarnação dos privilégios, sou os eflúvios inebriantes do Capitalismo.”

O vocabulário do livro é muito bom (já fazia algum tempo que eu não precisava consultar o dicionário enquanto lia).

Quando Fugalaça foi lançado, muitos foram os comentários que ele e HELL eram do mesmo estilo. Tanto Santine e Hell são ricas e a primeira vista fúteis e sem profundidade, além das duas sofrerem por amor e terem finais tão bons (quem já leu um dos dois livros vai saber que esse bom tem dois sentidos) quanto o começo da historia.

HELL virou filme, e até um tempo atrás estava em cartaz no teatro Sesi a peça, com a Barbara Paz estrelando como Hell. HELL é o livro com a maior letra que eu já li e a autora tem mais dois livros publicados Bubble Glum e Cidade Penumbra. Para terminar o post eu digo que o texto acima reflete bem o espirito de HELL Paris – 75016.

PS: No titulo original não tem o “75016”. Para que se perguntar o porque do “75016” a explicação é que esse é o CEP do bairro mais chique de Paris.

14 de jan de 2011

Nerds - … E O Vento Levou

e%20o%20vento%20levou

Hoje é o aniversario de um ano do blog e como eu prometi no comecinho do ano, aqui vai a resenha do meu livro preferido de todos os tempo: …E O Vento Levou.

Eu poderia passar horas falando sobre como EOVL é perfeito, sobre quanto eu o amo ou o porque eu acho que ele é melhor livro do mundo. EOVL é o number one na minha lista de livros e por mim ele vai continuar nessa posição ate o fim dos tempos.

Eu ganhei de aniversario EOVL, quando eu pedi ele eu não fazia ideia que a personagem principal se chamava Scarlett, que o livro se passa na Geórgia durante e depois da Guerra de Secessão americana, nem se eu teria capacidade de ler um livro de 960 paginas, para ser sincera eu só pedi o livro porque eu sabia que tinha filme e porque eu gostava do nome dele.

Como eu disse antes, a personagem principal se chama Scarlett, no começo do livro ela tem 16 anos e é apaixonada pelo Ashley (O Ashley é loiro e de olho cinzento, eu imagino ele como se fosse o Chace Crawford) o problema é  que ele esta noivo de outra, mas ele simplesmente não pode se cassar com outra já que a Scarlett o ama e ela tem certeza de ser amada por ele.

“E organizava planos, com a inconsciência dos dezesseis anos, quando a vida se apresenta tão agradável que não admite possibilidades de derrota; quando um vestido bonito e uma cútis cetinosa parecem armas que vencem o Destino.”

E a partir dai a historia se desenrola tendo como plano de fundo a luta dos Confederados contar os Ianques e depois da guerra a reconstrução das cidades sulistas.

No meio de tudo isso a Scarlett sofre com os preconceitos de uma sociedade rígida, sofre com o medo da invasão Ianque, sofre com a fome e por ter que sustentar tantas pessoas sozinhas, além dela sofrer dolorosamente por amor. De verdade a Maria do Bairro teve uma vida muito boa comparada a da Scarlett.

Tem dois outros personagens que merecem destaque nessa minha resenha; Melanie, uma pessoas que é quase que um anjo de tão boa, e o irresistível do Rhett, que do mesmo jeito que exerce um certo fascínio na Scarlett, ele acaba também fascinando os leitores.

Não é um livro fácil de se ler; tem mais descrições do que eu gostaria (odeio descrições), a letra é pequena, os parágrafos são gigantes e para ser sincera a historia só começa a ficar interessante depois da pagina 100.

Apesar de tudo isso eu juro que é um livro que vale a pena de se ler, eu juro que depois 200° pagina fica quase impossível largar o livro, eu juro que ao menos uma gota de lagrima você vai derrubar pela Scarlett, eu juro que EOVL tem o final mais genial do mundo da literatura, eu juro que os personagens são maravilhosos e por fim eu juro que você não irá se arrepender de ler …E O Vento Levou.

“Amanha, em Tara, hei de pensar em tudo isso. Então terei mais forças. Amanha pensarei no meio de o fazer voltar. E além disso, amanha é outro dia.”

8 de jan de 2011

Nerds - Percy Jackson e os Olimpianos

Post especial para a Maria Eduarda.

Em novembro eu li o Ladrão de Raios (1° livro da serie) e eu fiz um post dizendo que eu tinha gostado do livro e que era bom ler uma serie de aventura de novo. Durante as ferias eu fiquei totalmente viciada em Percy Jackson, os livros são fáceis de ler e tem bastante humor, não falta aventura e mistério no livro, a parte mitológica é super bem apresentada e é lindo o Percy e a Annabeth.

Acho que depois de ter saído o filme (apesar do filme ser muitoo diferente do livro) e dos destaques que as livrarias estão dando à serie todo mundo sabe mais ou menos sobre o que é a serie, mas de qualquer jeito aqui vai um resumo do resumo sobre a serie.

Percy é um garoto que descobre ser filho de um deus grego (Poseidon) e por isso vai para um acampamento onde tem outros semideuses lá ele conhece Annabeth (filha de Atena) e os dois junto com Grover (um sátiro) saem em uma missão. Mas o que parecia ser uma simples missão acaba se mostrando mais complicada, Cronos (um Titã que é pais dos grandes deuses do olimpo) decide que quer fugir do Tártaro, destruir os deuses e de quebra voltar a governar o mundo até o jantar. Ai vocês já sabem, eles tem que impedir Cronos se não o mundo nunca mais vai ser o mesmo, eles quase morrem algumas dezenas de vezes (mas sempre com muito humor). Uma coisa que eu amei na serie é que o Percy ama a Annabeth, ela também ama o Percy, mas também ama o Luke, só que o Luke é do mal. Tudo é tão lindo.

A serie é composta pelos livros; O ladrão de Raios, O mar dos Monstros, A maldição do Titã, A Batalha do Labirinto (meu preferido) e O Ultimo Olimpiano. Também tem um livro extra, Os Arquivos do Semideus, que tem três historias inéditas, um mapa do acampamento meio-sangue, etc.

No começo desse ano uma nova serie (meio que continuação do Percy Jackson) vai ser lançada, ela se chama The Heróis of Olympus e conta com novos personagens.

5 de jan de 2011

Nerds - A Hora das Bruxas I

Eu não acredito que eu demorei tanto tempo para ler um livro da rainha do sobrenatural. Acho que qualquer pessoa que gosta de ler já ouviu falar em Anne Rice e em Entrevista com Vampiro que alias foi traduzido pela Clarice Lispector. Já fazia um tempo que eu estava de olho nos livros da Anne Rice ai em um belo dia navegando pelo site da Livraria Cultura eu vi o AHdB I por 26 reais (o livro custa 56) então eu resolvi comprar.

Eu achei o começo do livro insuportavelmente chato, não sei se porque quando eu comecei a ler eu estava com muito sono ou porque ele é mesmo tão chato, mas eu juro que depois de um tempo é impossível não gostar do livro (pelo menos é impossível se você gosta do gênero).

A Talamasca, um grupo com poderes extra sensoriais voltados para o bem, durante séculos pesquisou a vida da família Mayfair, uma dinastia de bruxas que começou no século XVII, na Escócia, transplantou-se para o Haiti e de lá para a fantasmagórica Nova Orleans. É através dos seus volumosos arquivos que vamos descobrir essa saga de seres decadentes e mórbidos, convivendo pacificamente com o incesto e as tempestades e um espírito, meio divindade celta, meio demônio, chamado Lasher.

Anne Rice, mais uma vez prova por que é a mestra do gótico contemporâneo, dominando, ao mesmo tempo, as rédeas do drama, da inspirada sexualidade e do fantástico.

Eu tirei essa sinopse do livro e eu não muda uma virgula, eu só acrescentou que quando falam em incesto é tipo muitoo incesto.

A Hora das Bruxas é o 1° livro de uma serie de 4 (AHdB I, AHdB II, Lasher e Talto). Eu ainda estou no primeiro livro, mas apesar disso eu realmente aconselho a ler essa serie. O livro é do tipo fácil de se ler, a historia contagiante e com certeza “Anne Rice, mais uma vez prova por que é a mestra do gótico contemporâneo, dominando, ao mesmo tempo, as rédeas do drama, da inspirada sexualidade e do fantástico.”

3 de jan de 2011

Algo Mais - Blue Mountain State

BMS é uma serie que passa na MTV de quase todos os países ( ou passava), aqui no Brasil os episódios estão disponível no site de MTV. Aqui vai uma sinopse que eu encontrei no site da MTV e acho que resume bem a serie.

Baseada em filmes como O Clube dos Cafajestes e O Dono da Festa, Blue Mountain State estreou oficialmente lá fora dia 10 de Janeiro de 2010 no canal desconhecido da tv paga Spike TV. O canal tem como audiência principal o público masculino adulto e como o mundo das séries está cada vez mais em alta, eles resolveram inovar e produzir algo só deles. Foi assim que surgiu Blue Mountain State, uma série inovadora e claro, não para todo o tipo de público. Para quem não conhece os dois filmes citados lá no começo, pense em American Pie, mas no estilo escrachado e besteirol que são as continuações que vemos hoje. Teen? Sim, mas futebol, sexo, bebidas e drogas são os pontos fortes da nova comédia. Se você procura algo mais sério, com histórias reais e bem amarradas, pare de ler por aqui e nunca assista a série. Se você continuou, lembre de cenas como quando personagens de American Pie encheram um tubo de protetor solar com uma substância misteriosa e alguns garotos usaram…lembrou? Pois é, são piadas como essas e cenas ainda mais absurdas que você encontrará em Blue Mountain State.

O fato é que, nesse estilo besteirol escrachado, a série se sai perfeitamente bem. Não é por isso que nada tem continuação, pois se dissesse isso, estaria mentindo. A história? Três calouros chegam para estudar na Universidade Blue Mountain State e entram para o time de futebol americano: Alex, que se contenta em ser reserva, pois sobra tempo para beber e ficar com quantas garotas puder; Sammy, o pirado melhor amigo de Alex, que acaba virando o mascote do time; e Craig, atleta cheio de prêmios e o mais promissor para a nação estadunidense. Também conhecemos Denise, namorada de Craig, que diz ser virgem e só pensa no futuro rico que terá ao lado dele; Thad, o veterano com atitudes estranhas, que fará a vida de Alex a pior possível, e o treinador Marty, seis vezes campeão, que deseja a vitória do time de BMS.

As trapalhadas de Sammy, o comportamento homossexual de Thad, a inocência de Craig e muitos outros aspectos fazem da comédia algo extremamente divertido de se ver. Histórias como o relacionamento de Craig e Denise, da luta do treinador para o time vencer, assim como a trajetória de Alex, são tramas que possuem uma continuação, apesar da série não ter um plot tão bem amarrado. “Não acredito no que estou vendo” define bem as situações da série, que apesar de exageradas, são bastante cômicas e acertam 100% para o gênero que a série segue

PS: A serie é bem curtinha, os episódios têm cerca de 20 minutos cada.